Delegação de Amares

Actualidades Notícias
Últimas notícias
Comemoração do Dia Mundial da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho
8maio 0   
Dia Mundial da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho
 
Inovação e diversidade no centro do trabalho do Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho
 
Sob o mote “Em todo o lado para todos” é assinalado, hoje, dia 8 de Maio, o Dia Mundial da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho relembrando que todos os anos, em todo o mundo, o Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho abrange mais de 160 milhões de pessoas através de sua rede de cerca de 17 milhões de voluntários e 450.000 funcionários.
 
Só em Portugal, a Cruz Vermelha abrange cerca de 1 milhão de pessoas, criando comunidades mais seguras e fortes através de uma gama diversificada e inovadora de serviços adaptados às necessidades locais.
 
Do apoio domiciliário à teleassistência, passando pelos berçários e residências assistidas, são muitas as atividades e serviços que apoiam diariamente milhares de pessoas, de todas as idades e condições, um trabalho que conta com a dedicação incansável dos 10 mil voluntários da Cruz Vermelha Portuguesa.
 
Segundo Luís Barbosa, presidente nacional da Cruz Vermelha Portuguesa "os voluntários da Cruz Vermelha estão a trabalhar em praticamente todas as comunidades, oferecendo-lhes o seu compromisso, energia e tempo". Neste dia que assinala o aniversário do fundador do Movimento, Henry Dunant, há cerca de 189 anos atrás, Luis Barbosa reforça que “o Dia Mundial da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho, 8 de Maio, é uma oportunidade para reconhecer o contributo e as realizações dos milhões de voluntários e funcionários em todo o mundo que estão a manter o nosso compromisso com a Humanidade todos os dias, garantindo que ninguém seja deixado para trás".
 
Em contextos complexos com vulnerabilidades crescentes, a nossa capacidade de chegar às pessoas carenciadas está constantemente a mudar, diz o presidente da Cruz Vermelha Portuguesa. "Mas os nossos voluntários e funcionários procuram encontrar soluções criativas e inovadoras para alcançar as pessoas vulneráveis e ajudá-las a prepararem-se para lidar com estes desafios. "
 
O trabalho do Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho, formado pelo Comité Internacional da Cruz Vermelha, pela Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho e por 190 Sociedades Nacionais da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho, baseia-se em mais de 150 anos de acção humanitária.
 
8maio 1    8maio 2
     
8maio 3   8maio 4
     
8maio 5   8maio 6
     
8maio 7   8maio 8
     
8maio 9    
 
 
Recolha de alimentos resulta em mais de 180 mil refeições
Sexta, 07 Abril 2017 10:18

trofa3 ok
Recolha de alimentos realizou-se entre os dias 31 de março e 2 de abril,

nas lojas Continente e Meu Super.

Alimentos recolhidos equivalem a mais de 180 mil refeições.

A Cruz Vermelha Portuguesa e a Missão Continente conseguiram recolher alimentos em valor equivalente a mais de 180 mil refeições, que serão entregues às famílias sinalizadas pelas delegações locais da instituição humanitária, de acordo com as necessidades mais urgentes.

A maior parte dos produtos entregues correspondem a artigos de primeira necessidade, como arroz, massa, enlatados, leite, açúcar, sal, bolachas, leite em pó, papas para bebé, entre outros, tal como solicitado pela organização da iniciativa.

O resultado da recolha de alimentos vai beneficiar cerca de 10 mil famílias de todo o país, minimizando assim as suas carências alimentares, graças ao significativo contributo dos portugueses e à dedicação de 6.000 voluntários, que apoiaram a iniciativa realizada em todas as lojas Continente e Meu Super.

O prresidente da Cruz Vermelha Portuguesa afirma que “os resultados da recolha de alimentos são positivos e demonstram a solidariedade e compromisso da sociedade portuguesa na ajuda aos mais carenciados. Estamos muito gratos pela participação de todos, assim como pelo envolvimento da Missão Continente.”

Por sua vez, José Fortunato, presidente da Missão Continente, acrescenta que “os números que caracterizam esta recolha de alimentos deixa-nos muito satisfeitos, porque, por um lado, verificamos que os portugueses estão sensibilizados para a importância de ajudar quem mais precisa, e, por outro, sabemos que estamos a contribuir para ajudar, de facto, pessoas e famílias em dificuldade.”

 
Formação "Intervenção Psicossocial em Crise": inscrições abertas
Quinta, 06 Abril 2017 16:06
  
NOVA FORMAÇÃO COM BRUNO BRITO, 26-28 MAIO, LISBOA
 
 
ipc ok
 
 
Cruz Vermelha na abordagem ao trauma psicológico
Sexta, 31 Março 2017 12:06
tir masterclass 2   tir2   


Está a decorrer na Cruz Vermelha Portuguesa um encontro internacional de 5 dias com especialistas na área do trauma.

 

Esta reunião iniciou-se ontem com uma MasterClass que juntou cerca de 30 pessoas com interesse em aprofundar conhecimentos sobre a intervenção prática no domínio da psicotraumatologia, dos primeiros socorros psicológicos até às questões do trauma complexo.

Neste âmbito e durante os próximos dias, segue-se a realização de um Workshop sobre Traumatic Incident Reduction.

11 especialistas oriundos dos Estados Unidos da América, Espanha, Eslováquia e Portugal, representando 6 entidades diferentes, vão partilhar experiências e consolidar competências adquiridas no primeiro nível do workshop, tendo por base o aprofundamento da técnica Traumatic Incident Reduction, naquele que é o nível seguinte "Extendend Aplication".

Além do aprofundar da técnica, o workshop vai permitir o contacto directo com Marian Volkman, especialista na intervenção em trauma desde a década de 80 e que tem estado em vários pontos do mundo disseminando a formação em TIR, sendo uma referência na aplicação da técnica em crianças.

Este workshop TIR-EA será também dinamizado por Bruno Brito, psicólogo especialista em psicotraumatologia, contando também com a parceria com Applied Metapsychology International, entidade que certifica a formação.

 
«InícioAnterior123456789SeguinteFinal»

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL